Melhores investimentos para 2019: veja aqui quais são

Melhores investimentos para 2019: veja aqui quais são

Nos últimos anos, o povo brasileiro presenciou inúmeras instabilidades, alterações e crises nos setores político e econômico. Hoje, com o final do ano se aproximando, vivemos mais um período de mudanças — desta vez, o mercado está mais otimista e já dá diversos sinais de melhoria. Por isso, este é o momento ideal para observar as tendências e ficar por dentro dos melhores investimentos para 2019.

Se você também quer entrar no novo ano fazendo o seu dinheiro render, acaba de chegar ao lugar certo. Neste artigo, compartilharemos quais tipos de investimentos estão entre os melhores investimentos de 2019, dando sugestões para quem quer investir tanto na renda fixa como na renda variável.

Você está pronto para aproveitar as oportunidades existentes e valorizar seu patrimônio nos próximos meses? Então, acompanhe!

melhores investimentos para 2019

Melhores investimentos para 2019

Qual é a expectativa para o atual cenário econômico?

Após as eleições, o mercado reflete tendências políticas que se desenham no Brasil, com a previsão de reformas importantes, como a da Previdência, e de possíveis privatizações. Além disso, há um sinal de diminuição no tamanho do Estado, reduzindo impostos e deixando o caminho mais livre para que os empreendedores impulsionem a economia.

Ao que tudo indica, os juros e taxas permanecerão em baixa e a economia brasileira seguirá um caminho de gradual de recuperação. Além da Selic, que tem registrado baixas históricas, o IPCA (principal índice de inflação) segue acomodado, enquanto o PIB deve voltar a registrar algum crescimento — especialistas estimam alta de 3% a 4%.

Em resumo, o cenário geral é de recuperação econômica moderada, inflação em baixa e juros em patamares historicamente reduzidos. A partir desse contexto, é hora de analisar quais serão os melhores investimentos para 2019.

Quais são os melhores investimentos para 2019 em renda fixa?

Uma das mais fortes recomendações é a de apostar mais nos títulos atrelados à Selic e ao CDI. Entre as opções que se encaixam nesse perfil, estão: fundos de Renda Fixa, LCIs, LCAs, CDBs, LCs etc.

Os motivos envolvem a expectativa de que esse seja um bom momento para aguardar melhoras nas taxas pagas em títulos prefixados e atrelados à inflação. Dessa forma, vale a pena ficar de olho nos títulos com prazos de vencimento mais curtos.

Para aqueles que desejam garantir taxas para prazos maiores (acima de 24 meses, por exemplo), é possível observar alguns títulos remunerando melhor (em termos de CDI) do que papéis vendidos poucos meses atrás.

E as melhores opções de investimentos para 2019 na renda variável?

melhores investimentos para 2019

Fundos multimercados

Com um cenário de juros em baixa, os fundos multimercados são uma ótima opção para quem quer potencializar seus ganhos no mercado financeiro. Porém, é preciso notar que cada fundo multimercado tem características, perfis e composições de carteira diferentes. Alguns contam com maior exposição no exterior ou em renda fixa, enquanto outros são mais ‘’comprados’’ em bolsa.

A exposição aos fundos multimercados é praticamente obrigatória para quem quer ver sua carteira de investimentos rendendo mais. Porém, existem fundos recomendados para cada perfil de investidor, seja ele mais conservador ou mais agressivo. Alguns investimentos podem chegar a render mais de 20% em 12 meses, por exemplo, enquanto o CDI rende pouco mais de 8%.

Para investir nessa opção, é preciso que você tenha uma conta em uma boa corretora de valores e estude com atenção o prospecto e histórico de cada fundo. Assim, você garante a segurança de que fará bons negócios.

Investimentos no exterior e COEs

As recomendações de exposição ao exterior já foram maiores, especialmente as voltadas às bolsas de valores. Porém, após as altas nos mercados da Europa, EUA e Japão, essas sugestões foram drasticamente diminuídas, mas existem algumas alternativas interessantes para fins de diversificação, principalmente as que envolvem títulos de renda fixa no exterior.

Além dessa opção, investir em Certificados de Operações Estruturadas (COEs) ainda segue válido. Caso você ainda não conheça, o COE tem uma premissa bastante interessante: ele permite que você entre em um investimento com ganho ilimitado e, se o papel tiver dado prejuízo na data de vencimento, você recebe a quantia investida de volta.

Portanto, essa é outra alternativa para analisar de perto para 2019!

seguro ideal

Fundos imobiliários

O mercado imobiliário segue em recuperação no país, principalmente em São Paulo — onde já é possível observar uma crescente nos lançamentos e nas vendas.

Devido a essa aquecida, os fundos imobiliários conseguiram antecipar boa parte da expectativa do mercado e subiram consistentemente nos últimos 24 meses. O índice de referência do mercado imobiliário (IFIX), por exemplo, subiu quase 60% no mesmo período. Por esse motivo, muitos investimentos mais do que dobraram de preço.

Sendo assim, as perspectivas seguem otimistas em relação à continuidade da recuperação desse mercado. Porém, o investidor deve saber que, atualmente, é preciso garimpar para encontrar oportunidades de fundos imobiliários com preços atrativos.

Bolsa de valores, carteiras de ações, fundos de investimentos em ações

O cenário de recuperação da economia, em conjunto com juros e inflação em baixa, é um componente essencial para a bolsa de valores. Dessa forma, é possível enxergar diversas oportunidades tanto para quem quer montar uma carteira de ações no longo prazo quanto para quem deseja especular no curto prazo.

Muitos ativos subiram no período dos últimos 12-24 meses, tais como Localiza (RENT3), Magazine Luiza (MGLU3), Usiminas (USIM5) e Estácio (ESTC3).

Como fazer boas escolhas financeiras para 2019?

Primeiro, você deve saber que os melhores investimentos para 2019 dependem de uma mescla de fatores que envolvem tanto o estudo do mercado financeiro quanto os objetivos do investidor. Quem deseja aplicar seu dinheiro da maneira certa (ou seja, obter bons rendimentos) precisa entender pontos como:

• o funcionamento de cada tipo de investimento;

• as vantagens e desvantagens de cada opção;

• como calcular as taxas, juros, índices e impostos.

Além desses fatores, antes de tomar qualquer decisão de aplicar seu dinheiro, é importante que você se organize financeiramente e planeje o investimento com calma. Portanto, para definir qual o tipo de aplicação mais indicada para a sua realidade, considere estas três etapas:

1. organização financeira: adquira o hábito de reservar uma quantia mensal definida, sem falhar;

2. planejamento: o seu investimento precisa ter um motivo, um propósito — seja comprar um carro, uma casa ou mesmo viajar. Igualmente, é muito importante definir o prazo ideal do investimento de acordo com o motivo, para que, dessa forma, haja um estímulo constante em relação à aplicação;

3. tipo de aplicação do dinheiro: é o momento em que você deve estudar o mercado financeiro e definir a forma de aplicação mais apropriada de acordo com a sua realidade financeira.

Gostou das sugestões de melhores investimentos para 2019? A decisão pela aplicação ideal depende muito do seu perfil de investidor, bem como do seu momento de vida e patrimônio. Por isso, considere sempre contar com o auxílio de um especialista na escolha dos melhores ativos, ok?

materiais educativos